Tuesday, June 13, 2006

Amores Líquidos

Amo-te em todos os meus amores
E todos os meus amores brilham no teu olhar

Todos os gostos que provei
São um
E uno é o beijo que a tantas te dei

Múltiplo entrelace
Pernas, braços e almas
Canto daquilo que nunca se consome
Mas que ama
E cujo único epicentro é o amor
Múltiplo, uno e intenso

Leves sejam nossas almas líquidas
Que transbordam de nós
Por tanto amor

9 comments:

Anonymous said...

Ai que amor gostoso! :)
Muito lindo, Ricardo.
Valeu a pena esperar tanto pra vcê finalmente parir um poema.

Feliz Aniversário!

Beijinhos carinhosos
Elida Kronig / ADILE*RJ

Mônica Curvello said...

Gostei demais, Ricardo! Sua poesia é forte e, ao mesmo tempo, sensível. Parabéns duplamente! Pelo poema e pelo aniversário! Beijão com o meu carinho!

Sônia said...

Muito lindo. Um amor assim vale a pena.Querido amigo, o aniversário é seu e nós que ganhamos este presente,lindo demais, valeu a espera. Beijos

Marco Antonio said...

Grande feito conseguistes neste dia especial, que é teu! Lindo e profundo poema! Por isso o parabenizo duplamente.
Um grande abraço.

Marco Antonio said...

Grande feito conseguistes neste dia especial, que é teu! Lindo e profundo poema! Por isso o parabenizo duplamente.
Um grande abraço.

Luciane Liberato said...

Que lindo Poema!
Parabéns, todos nós ganhamos esse presente!
Parabéns...

Neysi said...

Ei, que coisa boa ver novidades por aqui...
Saudades!
Neysi

diniz said...

Linkei seu blog no Desmemoria

diniz said...

diluvidades